Por que o acompanhamento médico é tão importante para adolescentes?

A transição entre a infância e a idade adulta é um período de incontáveis transformações. E para que essa fase de mudanças e descobertas passe da melhor forma possível, o acompanhamento médico para adolescentes é fundamental. No post de hoje, mostramos a você como o suporte de saúde especializado pode fazer a diferença para que seus filhos vivam uma adolescência sadia e feliz!

Acompanhe!

Razões do acompanhamento médico para adolescentes 

As transformações físicas e emocionais pelas quais os jovens passam exigem supervisão com responsabilidade. Entre as razões para um bom acompanhamento médico durante a adolescência, estão:

1. Alterações posturais

A postura do adolescente pode sofrer alterações, como a escoliose e a cifose acentuada. Isso se deve ao crescimento brusco dos meninos, ao surgimento dos seios das meninas e às posturas viciosas. Além disso, podem surgir doenças típicas da coluna, que precisam ser investigadas e tratadas adequadamente.

2. Dores articulares

Essas dores, causadas pelas atividades típicas dos adolescentes, como esportes em geral e aulas de dança, e até mesmo pelo pico de crescimento, merecem atenção constante.

3. Problemas de pele

É comum que os adolescentes apresentem quadros de acne e estrias, problemas que surgem, principalmente, em decorrência de alterações hormonais. É importante ter em mente que esses problemas afetam não somente a pele, mas a autoestima dos jovens.

4. Saúde bucal

Essa questão está diretamente relacionada aos bons hábitos alimentares e de higiene. Para o adolescente manter um sorriso bonito e saudável, o acompanhamento profissional é primordial.

5. Visão

O cuidado com os olhos também merece uma atenção especial, pois a visão é um sentido que influenciará o adolescente ao longo da vida. Portanto, sempre que aparecerem queixas nesse sentido, estas devem ser investigadas e tratadas precocemente.

6. Doenças graves 

Além das questões gerais que falamos até o momento, durante a adolescência podem se desenvolver doenças sérias. Dentre elas, está a obesidade, que pode ser a razão de quadros clínicos complicados na vida adulta. 

Ainda relação ao peso e também à imagem pessoal, algumas das disfunções bastante comuns na adolescência são os transtornos alimentares, como a bulimia e a anorexia. Devido à gravidade desses quadros de saúde, toda a atenção é necessária para ajudar os jovens que os enfrentam.

Por fim, outros casos sérios são as doenças respiratórias, como a asma, que pode comprometer o desenvolvimento saudável do adolescente se um tratamento correto não for conduzido.

E após saber de tudo isso, lembre-se: a saúde e a autoestima na adolescência são requisitos fundamentais para o seu filho se tornar um adulto feliz. 

Melhores práticas do cuidado à saúde do adolescente

Entre as práticas que devem ser estimuladas na adolescência, destacam-se:

  • atividades físicas que envolvam exercícios aeróbicos, que melhoram o humor, ajudam na queima de calorias, protegem o sistema cardiovascular, combatem a obesidade, entre outros benefícios;
  • alongamentos, natação e outras atividades que melhoram a postura e previnem dores articulares, tão comuns durante o crescimento;
  • rotina de alimentação e manutenção do hábito de fazer refeições saudáveis;
  • sono em quantidade e qualidade, que permite uma maior atuação do hormônio do crescimento e um equilíbrio entre as atividades intensas e o repouso necessário.

Diante de tantas transformações nessa fase, é fundamental o acompanhamento médico para adolescentes com profissionais de saúde que compreendam, dialoguem e orientem os seus filhos para uma transição saudável para a vida adulta.

Importância do médico especialista para o adolescente

O papel essencial do acompanhamento médico para adolescentes é evidente quando se pensa nos inúmeros fatores que envolvem essa fase da vida.

A “hebiatria” é uma subespecialização da pediatria que vem ganhando espaço na medicina, pois capacita o médico para atuar com os adolescentes e entender as características específicas dos indivíduos nessa fase da vida.

O sigilo médico permite ao profissional abordar questões como sexualidade, drogas, autoestima, entre outros assuntos que cercam o universo do adolescente, além, é, claro, das alterações físicas e orgânicas que surgem na adolescência.

Não esqueça: corpo em transformação requer atenção médica como trabalho de prevenção e promoção da saúde!

Gostou do nosso post sobre o acompanhamento médico para adolescentes? Então, aproveite para aprender mais ainda aqui no blog lendo sobre como cuidar da depressão na adolescência!

1 Comentários

  1. ANTONIO MARCIO JUNQUEIRA LISBOAsays:

    IMPORTANTE O CONHECIMENTO DA SÍNDROME DA ADOLESCÊNCIA NORMAL, PARA NÃO CONFUNDI-LA COM PEOBLEMAS PSIQUIÁTRICOS

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"